NEOS, 503 e muito mais!

Quando regressaste às aulas em setembro o ADJ (Departamento Juvenil da CADP) estava a preparar o NEOS – 21 dias de acontecimentos online, dedicados adolescentes e jovens, e também para quer serve nesta área. Mas não ficou por aí.

NEOS

Foi de dia 21 de setembro (Dia Global dos Ministérios Juvenis) até dia 11 de outubro (data onde estava previsto encerrar o ENJUV2020 que não aconteceu devido à situação de pandemia). Tivemos a colaboração de mais de 35 oradores, entrevistados, voluntários, etc., com 10 nações representadas, e mais de 50 iniciativas no total.

A pensar na malta mais nova houve ainda várias iniciativas. Às terças-feiras à noite tivemos a rubrica Emojis, duas delas com a colaboração da Raquel Ouro, de Vila Franca de Xira, assistente social e membro da Equipa ADJ, e uma live no Facebook, com a partilha da missionária Paula Marcos Teixeira (Dudelange, Luxemburgo), acerca de “Emoções e Convicções”. Às sextas-feiras tivemos a oportunidade de partilhar 3 testemunhos: a Lea Duarte (Ligando Vidas, Cabo Verde) partilhou a experiência de fazer missão, a Ana Sofia Pinheiro (Águeda) falou de com podemos usar a nossa profissão para servir a Deus, e o Jónatas Cartaxo (Santarém) partilhou a sua experiência como enfermeiro a lidar com pessoas em sofrimento. Aos sábados à noite foi tempo para lives no Instagram, com um tempo de louvor e de partilha. Tivemos o grupo de louvor de Portimão e a partilha pelo pastor Acácio Baía (Almada), depois o pastor Tiago Pereira a partilhar a Palavra e a Miriam Oliveira (Mafra, Equipa ADJ) num tempo de louvor, e último live teve a participação do grupo de louvor da Tribo (Igreja para Todos, AD Pontinha) e uma mensagem pela evangelista e missionária Eunice Pocinho (Heinsberg, Alemanha).

Houve também dias especiais para os líderes e professores de Escola Dominical. Às quartas-feiras à noite houve lives no Facebook, nas quais falaram três líderes dos departamentos juvenis das Assembleias de Deus de três países – o pastor Ezequiel Santos, de Espanha, foi traduzido pela evangelista Ana Mary, o pastor Tony Tornatore, de França, com tradução da evangelista Ana Rosa, e o pastor Stewart Elman, da Inglaterra, traduzido pelo Ricardo Rosa. Aos sábados tivemos formações por zoom, em áreas específicas – a evangelista Sara Ramalho Pereira, que falou acerca de “A escola como campo de missão”. No segundo sábado tivemos o missionários das Assembleias de Deus dos EUA na Áustria, Tony Gryzkiewicz, que se focou na temática “Servir com jovens em contextos multiculturais” e o pastor Carlos Fontes, Diretor académico do MEIBAD, que nos falou da importância de conhecermos bem a Bíblia, sabermos interpretá-la corretamente porque “Ninguém dá aquilo que não tem”.

Para terminar com chave de ouro lançámos também a aplicação ADJ para Android, onde temos acesso a todas as redes sociais onde o ADJ está presente e aos conteúdos do site. Uma palavra de agradecimento ao Tiago Viegas (Almada) que nos tem ajudado nesta área. Agradecemos a quem se envolveu e esteve presente, desafiando quem não esteve a poder estar mais envolvido com o que temos vindo a fazer. Desafiamos a que possam ver ou rever quer os lives, quer os devocionais, no Instagram e no Facebook.

503

Mas nem só de NEOS viveu outubro, até porque celebrámos também o 503º aniversário da Reforma Protestante. Chamamos a essa iniciativa 503. Foram 5 dias cada uma das 5 sola abordadas por um convidado diferente. Foi também lançada a performance artística “Das trevas para a luz”, com a participação da Carina Antunes (Ovar) na parte da banda sonora e da Joana Antunes (Ovar) na parte da coreografia. As duas irmãs explicaram qual o conceito por detrás da performance numa live no Facebook que antecedeu a estreia da mesma. Apresentámos ainda o hino “Castelo Forte”, com os arranjos musicais do David Martinho (Caldas da Rainha), que acompanhou a Miriam Oliveira (Mafra, Equipa ADJ). Mais uma vez, agradecemos a todos os envolvidos, especialmente à AD Mafra pelo espaço e meios para gravar o hino.

EM MOVIMENTO

Como departamento, e através da coordenação, estamos em contacto com alguns líderes de jovens internacionais pertencentes às Assembleias de Deus, no sentido de dar a conhecer o ADJ enquanto departamento, as nossas atividades e de trocarmos experiências e recursos. Também temos participado em diversas iniciativas de formação com irmãos das Assembleias de Deus a nível internacional, além do contacto regular com os responsáveis dos departamentos juvenis nacionais de vários países da Europa.

No momento em que escrevemos esta notícia estamos a orar e a preparar novas aventuras tendo em vista o fim de 2020 e todo o ano de 2021. Estamos ainda a orar por outros desafios e iniciativas para as quais pedimos desde já as tuas orações. Apesar das limitações atuais devido à pandemia, acreditamos que Deus nos quer usar neste tempo, com estratégias adequadas ao contexto que estamos a viver, e tendo em vista os nossos alvos: alcançar, discipular e servir. Continuamos disponíveis para ajudar as igrejas locais que assim o desejarem para fazer formações específicas, como tem acontecido com algumas igrejas que nos têm contactado. Mais informações em www.facebook.com/ad.jnacional .

Ana e Ricardo Rosa (Coordenação ADJ)

Etiquetas: Notícias